Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto 23, 2008

EU DISSE QUE ERA SÓ A GENTE PULAR QUE EU ACORDAVA..............

Eu estava num local, que tinha muitas árvores na minha frente, eu corri e sai voando. Eu voei sobre estas árvores. Eu quase ia descendo, ai fazia força para subir e continuava voando novamente. Eu via as copas das árvores, algumas amarelas. Toda vez que eu ia descendo, eu fazia força e conseguia voar novamente. Num certo momento, fiz muita força e fui muito alto. Fiquei com medo, pois sabia que muito alto era muito frio. Eu fui descendo e cai na beira de uma lagoa, dentro da água. Sai da água e vi uma construção antiga, tipo ruínas de civilizações antigas, só que no pé de uma montanha. Tinha uma entrada feita nas paredes do barranco, O Fernando estava lá. Nós entramos e saímos numa espécie de salão, que tinha sido feito escavando a montanha. Subimos alguns degraus feitos na própria terra. Chegando lá em cima, vi que tinha um buraco no barranco. Olhei por este buraco, procurando não fazer barulho. Lá no fundo, a uns 10 metros mais ou menos, tinha alguns animais, que pareciam morcegos, …

NA CONTRA MÃO

Estava andando em uma rodovia. Vinham no sentido contrário ao que eu estava e no acostamento e na contra mão, alguns caminhões. Eu fiquei pensando o que aqueles caminhões faziam andando na contra mão, se a pista do outro lado não tinha nada de errado com ela. Depois passou por mim um caminhão guindaste. O motorista me disse que estava indo rebocar os carros que estavam na contra mão.