ACHAR OU ENCONTRAR? O QUE EH MELHOR?

ESTAVA EU NUM FIM DE TARDE, SENTADO NO BANCO DA PRAÇA QUE EXISTE EM FRENTE A MINHA CASA.
ESTA PEQUENA PRACINHA QUE TEM TRÊS GRANDES ÁRVORES E ALGUNS BANCOS DEBAIXO DELAS, TEM AO FUNDO O RIO. RIO ESTE QUE PASSA BEM ABAIXO DO NÍVEL DA PRACINHA. ESTA PRACINHA TEM SOMENTE ALGUNS BANCOS E OCUPA UM PEQUENO ESPAÇO DA ORLA DO RIO.
COM O CAIR DA NOITE, ALGUNS VISINHOS VÊEM SENTAR NESTA PRACINHA E CONVERSA VAI CONVERSA VEM, A HORA VAI PASSANDO E QUANDO NOS DAMOS CONTA JÁ ESTA NA HORA DA NOVELA.
HORA EM QUE TODOS VÃO PARA SUAS CASAS. INCLUSIVE EU.
NESTE DIA NÃO FOI DIFERENTE.
NO OUTRO DIA, COMO SEMPRE ACONTECE, LEVANDO BEM CEDO, COM O CLAREAR DO DIA, PARA VARRER A PORTA DE NOSSA CASA.
COMO MINHA CASA FICA NA ESQUINA, ESTAVA VARRENDO PRIMEIRO O LADO OPOSTO AO DA PRACINHA.
AO ESTAR VARRENDO O LADO QUE FICA DE FRENTE PARA A PRACINHA, QUE TEM UMA ESTREITA RUA ENTRE MINHA CASA E OS BANCOS DESTA PRACINHA, PERCEBI QUE HAVIA ALGO EM CIMA DO BANCO DESTA PRACINHA.
 OLHEI MELHOR E PUDE VER QUE SE TRATAVA DE UMA CARTEIRA.
PENSEI IMEDIATAMENTE QUE ALGUÉM TERIA ESQUECIDO A CARTEIRA EM CIMA DO BANCO DA PRAÇA.
DA MESMA FORMA COMECEI A PENSAR TAMBÉM QUE ELA PODERIA ESTAR "RECHEADA" DE DINHEIRO. ENTÃO DISSE PRA MIM MESMO: __OPA. TO FEITO. NA "QUEBRADEIRA" QUE ESTOU, UMA CARTEIRA VEM EM HORA BOA__
FUI APROXIMANDO CAUTELOSAMENTE, OLHANDO PARA UM LADO E OUTRO, VERIFICANDO SE NÃO HAVIA NINGUÉM OLHANDO E RAPIDAMENTE PEGUEI A CARTEIRA.
AO PEGÁ-LA PERCEBI QUE AQUELA CARTEIRA ERA CONHECIDA.
OLHEI MELHOR E TIVE CERTEZA QUE CONHECIA A CARTEIRA.
ABRI E CARTEIRA E ENTÃO VI QUE SE TRATAVA DA MINHA CARTEIRA.
ENTÃO RESMUNGUEI EM VOZ ALTA. __"PUTA MERDA" TINHA PERDIDO MINHA CARTEIRA.
__AINDA BEM QUE NINGUÉM A ENCONTROU ANTES DE MIM.__

(esta história aconteceu com meu irmão)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

TORNANDO A VIDA POSSÍVEL