FONTANA DE TREVI / A FONTE DOS DESEJOS

A FONTANA DI TREVI (FONTE DOS TREVOS, EM PORTUGUÊS) 
SEGUNDO A LENDA, VOCE DEVE FICAR DE COSTAS PARA A FONTE E LANÇAR UMA MOEDA SOBRE SEU OMBRO, DENTRO DA FONTE. FAZENDO ISTO, VOCE RETORNARÁ A FONTE UMA SEGUNDA VEZ.
É A MAIOR (CERCA DE 26 METROS DE ALTURA E 20 METROS DE LARGURA) E MAIS AMBICIOSA CONSTRUÇÃO DE FONTES BARROCAS DA ITÁLIA E ESTÁ LOCALIZADA NA RIONE TREVI, EM ROMA.
A FONTE SITUAVA-SE NO CRUZAMENTO DE TRÊS ESTRADAS (TRE VIE), MARCANDO O PONTO FINAL DO ACQUA VERGINE, UM DOS MAIS ANTIGOS AQUEDUTOS QUE ABASTECIAM A CIDADE DE ROMA. NO ANO 19 A.C., SUPOSTAMENTE AJUDADOS POR UMA VIRGEM, TÉCNICOS ROMANOS LOCALIZARAM UMA FONTE DE ÁGUA PURA A POUCO MAIS DE 22 QUILÔMETROS DA CIDADE (CENA REPRESENTADA EM ESCULTURA NA PRÓPRIA FONTE, ATUALMENTE). 
A ÁGUA DESTA FONTE FOI LEVADA PELO MENOR AQUEDUTO DE ROMA, DIRETAMENTE PARA OS BANHEIROS DE MARCUS VIPSANIUS AGRIPPA E SERVIU A CIDADE POR MAIS DE 400 ANOS.
O "GOLPE DE MISERICÓRDIA" DESFERIDO PELOS INVASORES GODOS EM ROMA FOI DADO COM A DESTRUIÇÃO DOS AQUEDUTOS, DURANTE AS GUERRAS GÓTICAS. OS ROMANOS DURANTE A IDADE MÉDIA TINHAM DE ABASTECER-SE DA ÁGUA DE POÇOS POLUÍDOS, E DA POUCO LÍMPIDA ÁGUA DO RIO TIBRE, QUE TAMBÉM RECEBIA OS ESGOTOS DA CIDADE.
O ANTIGO COSTUME ROMANO DE ERGUER UMA BELA FONTE AO FINAL DE UM AQUEDUTO QUE CONDUZIA A ÁGUA PARA A CIDADE FOI REAVIVADO NO SÉCULO XV, COM A RENASCENÇA. EM 1453, O PAPA NICOLAU V, DETERMINOU QUE FOSSE CONSERTADO O AQUEDUTO DE ACQUA VERGINE, CONSTRUINDO AO SEU FINAL UM SIMPLES RECEPTÁCULO PARA RECEBER A ÁGUA, NUM PROJETO FEITO PELO ARQUITETO HUMANISTA LEON BATTISTA ALBERTI.

fonte - Wikipédia

Comentários