Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 5, 2011

A LUZ E A ESCURIDÃO / A ESCOLHA

O ATAQUE DO LEÃO

Estava no meio do mato, havia uma estradinha e várias árvores ao lago desta estradinha. Estava atrás de uma árvore, olhando um carro que estava num descampado.  Uma pessoa saiu correndo pela estradinha, gritando para eu trazer a corrente. Atrás desta pessoa, foi correndo um leão. Assim que sumiram na estradinha, fui arrastando uma corrente grande, que deveria ter uns 10 metros. Chegando ao lado do carro, deixei a corrente no chão. Depois fui dobrando ela no chão, em vão de um metro mais ou menos. Dizia que era para ir adiantando. Quando fazia isto, vi o leão vindo muito rapidamente pela estada, em minha direção. Entrei no carro e fiquei dizendo para mim mesmo, ter calma, fazer tudo sem “afobação”. Fechei a porta, o vidro e conferir a outra porta, que já estava com o vidro fechado. Com isto tinha certeza que o leão não entraria no carro. Deitei no chão do carro, na frente do banco do  carona e deitei o banco para frente, assim ele me esconderia. Quando fiz isto, vi que um buraco pequen…

SEQUESTRADO

Estava num local, que era um campo aberto. Havia um muro de pedra, destes parecido com os que os escravos construíam em fazendas. Meu pai estava ali, segurando uma mulher pelo pescoço, com um rifle, eu a uns 5 metros, com a perna machucada, pois tinha levado um tiro. Meu pai tinha seqüestrado eu e a tal mulher. A gente gritava muito para ele deixar a gente ir embora. Mas ele insistia que não. Ameaçava atirar na minha cabeça e na da tal mulher. A gente já estava todo machucado das torturas que ele fazia. Então decidi ir embora assim mesmo. Levantei, sai mancando e esperando levar o tiro pelas costas. Ele atirou.