Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro 11, 2008

Postagem em destaque

A "IRLANDA" RICA, CULTURAL E BELA EH O DESTINO PREFERIDO DOS INTERCAMBISTAS BRASILEIROS QUE LÁ SE SURPREENDEM

LINHA DO TEMPO DA "IRLANDA" / WORLD 
O Castelo de Dublin, localizado na capital, foi a sede do governo britânico até a década de 1920. Hoje, é um dos grandes pontos turísticos da cidade, além de abrigar conferências Estado soberano da Europa que ocupa cerca de cinco sextos da ilha homônima. É uma república constitucional governada como uma democracia parlamentar, com um presidente eleito para servir como chefe de Estado. Considerada um país desenvolvido, a Irlanda tem o décimo primeiro maior Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do mundo, além de ótimas classificações em índices que medem o grau de democracia e liberdades como a de imprensa, econômica e política. Além da União Europeia (UE), a Irlanda também é membro do Conselho da Europa, da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), da Organização Mundial do Comércio (OMC) e da Organização das Nações Unidas (ONU). Sua capital é Dublin e sua população é estimada em 4,58 milhões de habitantes. A "…

COM UMA MULHER

Estava num quarto, que não sei onde era. Havia uma cama e uma mulher, que também não conheço. Nisto veio entrando três pessoas. Eu então abracei a tal mulher e caímos na cama. Eu fiquei por cima dela, escondendo o rosto dela para que as pessoas que entraram não a vissem. Nisto eles entrara e saíram por outra porta. Um disse que aquilo estava parecendo um motel.

VOZES NA MADRUGADA

Eu estava num local, que parecia um grande jardim na entrada de uma empresa. Era todo murado. Havia apenas o portão de entrada, mas não havia portão, só o vão deste. Eu estava ali dentro, usando apenas uma cueca boxer amarela. Era de madrugada. Eu ouvia vozes. Então fui até lá fora, ver se tinha alguém ali. Vi um orelhão do outro lado da rua, debaixo de um poste de luz, que era a única luz que havia ali. Eu segurava algo não mão, que parecia um papel dobrado. Tive a sensação que uma mulher estava perto do orelhão. Mas não a vi. Fiquei com medo de ter algum assaltante ali, e pensar que em minha mão tinha dinheiro. Sai andando na frente deste jardim, quando por traz do muro, vi que ao lado deste, tinha uma espécie de quadra de futebol de salão. Era dali que saía às vozes. Mas não vi ninguém. Imaginei que fossem as pessoas que estavam esperando o dia amanhecer para vir procurar emprego. Fiquei com medo de serem ladrões também. Então voltei para o jardim de onde estava. Quando passei pelo…