quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

A MAIS ANTIGA CIDADE DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO, "VILA VELHA" TEM PRAIAS MAGNÍFICAS







BEM VINDO A CIDADE DE VILA VELHA. A MAIS ANTIGA DO ESPÍRITO SANTO.
imagem - ?
VILA VELHA TEM 414.586 HABITANTES - IBGE 2010 -
QUEM NASCE EM VILA VELHA EH: VILA VELHENSE
A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 23 DE MAIO E FOI FUNDADA EM 1.535
ORIGEM DO NOME
Seu nome deve-se ao apelido dado pela população quando a sede da capitania foi transferida para a Ilha de Vitória (1549/ 1550) 
HISTÓRIA
O território hoje pertencente ao município era habitado por Goitacás e Tupiniquins. Sua história remonta ao segundo quartel do século XVI, quando Fernandes Coutinho recebeu, em 1534, no seu solar em Alenquer, carta régia que o tornava donatário de uma das capitanias de terra brasileira.
Embarcou na caravela "Glória", com cerca de sessenta lusitanos intrépidos, tendo por companheiros os fidalgos Simão de Castelo Branco e Jorge de Menezes.
A 23-05-1535, a nau penetrou no que julgava Vasco Coutinho ser a foz de grande rio. Realizadas as necessárias averiguações, atravessaram a barra, ancorando numa enseada entre o morro Moreno ou João Moreno e a Ponta do Tubarão ou Piraém, no local posteriormente conhecido como Prainha de Vila Velha. Deram à terra a denominação de Espírito Santo, em vista de celebrar-se, naquela data, a festa de Pentecostes.
A capitania do Espírito Santo, e foi sede da capitania até 1549, quando esta foi transferida para Vitória e o município passou a ter o nome atual. 
AQUI UM CASTELO DE AREIA NA PRAIA DA COSTA
imagem - EB Franca
PRAIA DA COSTA
imagem - Wikipédia
imagem - EB Franca
imagem - EB Franca
PRAIA DE ITAPOÃ
imagem - Eupídio Justino de Andrade
imagem - Starman 79
imagem - ?
PRAIA DE ITAPARICA
imagem - ?
PARQUE DA PRAINHA
Local com muita história, cercado por árvores e mar. Foi na praia que margeia o parque que no dia 23 de maio de 1535 ancorou a caravela Glória. Nela estavam o donatário da então Capitania do Espírito Santo, Vasco Fernandes Coutinho, e outros 60 homens que ali fundaram a Vila do Espírito Santo. Começou, assim, a história do Estado. Hoje, o parque conta com uma vista espetacular para a baía de Vitória e possui extenso gramado que abriga alguns dos principais eventos da cidade, como o Festival do Chocolate, a Festa da Cidade, Feira da Terra e Festa da Penha. No seu entorno estão construções históricas como o Convento da Penha, a Igreja do Rosário e o Forte São Francisco Xavier da Barra, formando o conjunto do Sítio Histórico da Prainha, onde também se encontra a Praça Almirante Tamandaré, um belo espaço contemplativo.
imagem -  Massad
imagem - PMVV
imagem - RN Latvian 31
imagem - RN Latvian 31
imagem - RN Latvian 31
CONHEÇA UM POUCO MAIS DA CIDADE DE VILA VELHA
imagem - Wikipédia
imagem - Wikipédia
imagem - ?
imagem - RN Latvian 31
imagem - ?
imagem - Leandro A. Lluciano
imagem - Eupídio Justino de Andrade
imagem - RN Latvian 31
imagem - RN Latvian 31
imagem - ?
CONVENTO DA PENHA
Principal monumento religioso do Estado, o Convento da Penha começou sua história em 1562, com Frei Pedro Palácios, quando foi construída uma capela dedicada a São Francisco. No cume do morro, posteriormente, foi erguida a Capela das Palmeiras, depois que, segundo a lenda, um quadro com a imagem de Nossa Senhora das Alegrias, trazido por ele de Portugal em 1558, sumiu diversas vezes de uma gruta e só era encontrada no alto do morro - onde hoje está o convento. O quadro com a imagem de Nossa Senhora da Penha chegou em 1569. A pequena capela teve sua primeira modificação concluída em 1660, quando passa a ser conhecida como convento. Em 1750 foi iniciada sua ampliação, resultando em uma das mais belas construções do Brasil Colonial. É possível subir o morro, que tem 154 metros de altitude, de carro, ou andando pela ladeira da penitência, antigo caminho aberto pelos índios. O Convento da Penha foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em 1943.
imagem - Wikipédia
INTERIOR DO CONVENTO DA PENHA
imagem - PMVV
TORRE DO CONVENTO DA PENHA
imagem - PMVV
imagem - PMVV
RUÍNAS NO CONVENTO DA PENHA
imagem - Deanne F.
CAPELA NOSSA SENHORA DOS NAVEGANTES
A capela foi construída no topo de um morro em frente à Praia da Baleia, na Ponta da Fruta. De acordo com historiadores, a igreja, erguida na década de 1940, seria o resultado do pagamento de uma promessa de um imigrante italiano que se refugiou na região de Ponta da Fruta.
imagem - PMVV
imagem - PMVV
FAROL DE SANTA LUZIA
Inaugurado em 1871, o farol possui 17 metros de altura e está localizado em um terreno rochoso de encosta e íngreme, na ponta de Santa Luzia. A iluminação, que inicialmente era feita a querosene, hoje conta com lâmpadas de 3.000 watts, com alcance de 32 milhas marítimas e sistema elétrico produzido na França. Ainda em funcionamento, o equipamento é um dos responsáveis pela orientação da navegação na região, que envolve o tráfego de grandes navios nos portos de Vila Velha, Tubarão e Vitória. Pertence à Capitania dos Portos do Espírito Santo e constitui uma área de segurança. O local encontra-se temporariamente fechado para visitação.
imagem - PMVV
imagem - PMVV
imagem - PMVV
IGREJA NOSSA SENHORA DA GLÓRIA
A edificação foi erguida entre 1900 e 1913 na Barra do Jucu utilizando alvenaria de pedra e cobertura de telhas com forro de madeira, recentemente substituída por PVC, além de piso de ladrilho cerâmico. Depois de visitar a igreja aproveite para conhecer a antiga Ponte da Madalena, construída em 1896, que liga o bairro à reserva de Jacarenema.
imagem - PMVV
imagem - PMVV
MORRO DO CONVENTO E BATALHÃO
imagem - C. Mariano
imagem - RN Latvian 31
IGREJA DO ROSÁRIO
É a igreja mais antiga do Estado e, talvez, do Brasil. Sua construção começou em 1535, pelo donatário da Capitania do Espírito Santo, Vasco Fernandes Coutinho. Com a ajuda do jesuíta Afonso Brás e do irmão leigo Simão Gonçalves, a igreja, que possui pisos de ladrilhos hidráulicos e aspectos barrocos (adquiridos no século XVIII), recebeu o acréscimo de uma nave maior, construída em pedra, hoje com três altares. Em 1751 o templo ganhou em seu altar-mor uma Pedra D´Ara, com relíquias (como os fragmentos de ossos) dos mártires São Colombo e São Liberato, conforme Diploma do Vaticano autenticado. Em 1950 foi tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).
imagem - PMVV
imagem - PMVV
ESTACIONAMENTO NO CONVENTO
imagem, - Massad
ENTORNO
imagem - RN Latvian 31
PONTE QUE LIGA VILA VELHA A VITÓRIA
imagem - Massad
ESTA EH A BANDEIRA DA CIDADE
ESTE EH O BRASÃO DO MUNICÍPIO



VALEU SEMPRE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

TORNANDO A VIDA POSSÍVEL